Controle de Ramas: O mais importante é medir!
     

Controle de Ramas: O mais importante é medir!

Você já ouviu falar do nome Josip Belušić, em italiano Giuseppe Bellussich?
E se a segunda pergunta fosse: o que é um velocímetro?

O velocimetro ou também conhecido como “odômetro” ou “milômetro”, foi inventado e patenteado em 1888 e apresentado no ano seguinte na Wold’s Fair em Paris.

Difícil de acreditar, mas somente 130 anos depois de sua invenção, o tacômetro se tornou um equipamento  obrigatorio em todos os veículos automotores.
Interessante observar que inicialmente só estava disponível como opcional e se tornou equipamento padrão nos carros depois de 1910.

Um desafio, uma provocação

Essa curta histórica vem do fato, que muitas vezes propomos o seguinte desafio aos clientes da  ETV:

Tente cobrir o tacômetro de seu carro e dirigir sem enchergar a velocidade.
Você realmente tem certeza de ser capaz de manter a mesma velocidade apenas com os seus outros sentidos? E principalmente, você seria capaz de manter todo o tempo a velocidade dentro dos limites permitidos?

Um cliente respondeu que já havia dirigido em uma estrada a 160 Km/ h sem perceber, até que a polícia o parou.
Outro cliente disse que dirige pela cidade com a intenção de obedecer o limite de velocidade, muitas vezes tem a impressão que está  dirigindo em uma viagem exageradamente lenta, mas na verdade estava acima da velocidade permitida.


Perguntamos se você consegue dirigir sem tacômetro, fazendo uma pergunta meramente provocativa, pois é útil para abordar o assunto da medição e controle em máquina têxteis.

A resposta nos leva ao óbvio: não é possível medir e ter o controle do processo na fábrica dependendo somente da percepção ou experiência.

Se nos segurarmos somente na percepção ou experiência, a margem de erro e consequentemente, prejuízo é realmente alto!

Melhor qualidade com menores custos

Vários de nossos euipamentos demonstraram, que a percepção não é suficiente! Mesmo aonde havia a experiência de muitos anos do operador, a instalação de sistemas ETV trouxe grandes benefícios para a empresa.

Com medições mais precisas e constantes de umidade e temperatura, é possível obter melhor qualidade com menores custos nos processos de fabricação de têxteis.

Sem a medição de umidade residual na saída da rama ou do secador é necessário secar o tecido ou a malha ao máximo. Considerando que o algodão tem um regain mínimo de 12% de umidade, estamos perdendo energia quando secamos a 0%, pois o tecido vai voltar a 12%.

Clientes, que voltaram a medir com os controles da ETV chegaram a uma redução de consumo de energia de até 30%.

Vamos agendar uma apresentação para mostrar os ganhos, que sua empresa pode ter com o uso dos equipamentos de medição da ETV?

 
comentários: 0

 
 
 
 

        • Conteudos da mesma Categoria

 
 
 
 
 

Rivitex Com. Imp. e Exp. Ltda

Rua Jose Eugenio Padoan, 15 | CEP 04926-060 | São Paulo/SP

Fone (11) 5517-6082 | Fax (11) 5517-7257

Email: rivitex@rivitex.com.br

desenvolvido por